You are visiting a website that is not intended for your region

The page or information you have requested is intended for an audience outside the United States. By continuing to browse you confirm that you are a non-US resident requesting access to this page or information.

Switch to the US site

Select Your Country or Region
Enviar

Notícias

Getinge participa da FCE Pharma com estande e estrutura própria de vendas, serviços técnicos e backoffice

Getinge participa da FCE Pharma com estande e estrutura própria de vendas, serviços técnicos e backoffice

Presença da empresa marca também aumento de investimentos e expansão da área de Life Science no país

Pela primeira vez, a Getinge participa com estande próprio da FCE Pharma, a principal feira da indústria farmacêutica da América Latina. Paralelamente, é também a primeira vez que a empresa comparece a um evento público presencial com estrutura própria de vendas, serviços técnicos e de backoffice para a área de Life Science.

Segundo Gustavo Carrer, gerente de vendas da divisão de Life Science da Getinge para a América Latina, a nova estrutura de operações demonstra a importância do mercado brasileiro para a empresa. De acordo com os organizadores da Feira, o Brasil responde por aproximadamente 2% do mercado mundial de Life Science, sendo o 7º em faturamento no ranking das 20 principais economias e com projeção de se tornar o 5º em 2023.

“O mercado brasileiro está aquecido e cada vez mais clientes estão ampliando suas unidades fabris e laboratórios para produzir medicamentos e vacinas. A Getinge também está investindo consideravelmente no crescimento e expansão de sua divisão de Life Science, para acompanhar e dar suporte a eles em tudo o que necessitarem”, afirma Carrer. 

O executivo destaca que a FCE Pharma presencial abre ainda a possibilidade de a empresa retomar o contato direto com os clientes, após os anos de pandemia. A indústria farmacêutica responde por mais de 90% do mercado de Life Science da Getinge no país e o evento será também uma oportunidade para reforçar as vantagens da nova estrutura.

“A Getinge passou a vender equipamentos, peças de reposição, consumíveis e oferecer serviços técnicos diretamente, sem a intermediação de terceiros. Agora, o cliente conta com um canal específico no país para apoiá-lo, com profissionais treinados pela fábrica no exterior e plenamente capacitados com conhecimento e respaldo dos técnicos de lá”, ressalta.

Entre os equipamentos e soluções fornecidos pela Getinge em suas duas unidades de negócios de Life Science – indústria farmacêutica e laboratórios de pesquisa – estão autoclaves para esterilização de materiais, lavadoras de vidraria e tecnologias para isolamento estéril.

São produtos que garantem o desenvolvimento, produção, análises e testagem de medicamentos seguros e livres de contaminação, em conformidade com as normas brasileiras e internacionais de fabricação.

“Como parceiros da indústria farmacêutica, nosso portfólio atende aos requisitos únicos e muito estritos que regulamentam a produção de medicamentos. Isso inclui as normas relativas às Boas Práticas de Fabricação (BPF), associadas à fabricação de produtos acabados, e as Boas Práticas de Laboratório (BPL), relativas aos testes de qualidade dos produtos”, explica Alexandre Iramina, especialista técnico da área de Life Science da Getinge Brasil.

De acordo com eles, possuir as certificações que garantem o cumprimento dos requisitos e especificações da produção farmacêutica ao redor do mundo é justamente um dos diferenciais da Getinge.

“Isso faz da empresa um player de alto nível para os clientes da indústria farmacêutica. Além disso, a Getinge é reconhecida pelos seus equipamentos robustos, que duram décadas e continuam operando com a mesma performance e confiabilidade de quando foram instalados”, complementa.

Para Iramina, o mote “Paixão pela Vida”, um dos principais pilares da atuação da Getinge no Brasil e no mundo, tem tudo a ver com o propósito da área de Life Science de auxiliar a indústria farmacêutica a criar novos produtos.

“Nosso objetivo é apoiar o ciclo completo, do desenvolvimento do produto à fabricação, para que possam chegar com eficácia e segurança até o usuário final. É isso que nos motiva”, resume.

Compartilhar: